skip to Main Content

Idealizador e padrinho da Escolinha de Triathlon Formando Campeões, Juraci Moreira é considerado um dos atletas mais consistentes de todos os tempos na distância olímpica (1.500m de natação, 40km de ciclismo e 10km de corrida). O curitibano acumula participações em mais de 100 etapas do Circuito Mundial organizado pela ITU (International Triathlon Union), e é um dos ícones do triathlon brasileiro.

Após 20 anos de carreira bem sucedidos, Juraci Moreira decidiu que era hora de ajudar o triathlon brasileiro do lado de fora das pistas. Com apoio do Comitê Olímpico Brasileiro e da Confederação Brasileira de Triathlon (CBTri), o hexacampeão brasileiro atua desde o segundo semestre de 2014 na área de gestão esportiva visando contribuir para crescimento da modalidade em todas as suas vertentes.

Junto com a Federação Paranaense de Triathlon (FPTri), o hexacampeão mundial deu início à programas pioneiros de fomento ao Triathlon e também se tornou referência na elaboração e execução de projetos via Lei de Incentivo ao Esporte.

O primeiro projeto, a “Escolinha de Triathlon Formando Campeões”, não apenas introduziu jovens carentes da rede pública de ensino em uma nova modalidade esportiva, como demonstrou uma maturidade indescritível no desenvolvimento atlético e pessoal desses jovens. Em menos de um ano de atividades, cerca de 30 meninos e meninas, de 10 a 17 anos de idade, descobriram suas habilidades, mostraram muita disciplina e perseverança nos treinos e com isso conquistaram suas primeiras medalhas em competições regionais e até mesmo um torneio nacional de base. O projeto oferece acesso a prática esportiva de forma 100% gratuita e contempla aquisição de equipamentos como bicicletas, tênis, uniformes, contratação de recursos humanos e auxílio transporte.

“Ver crianças e adolescentes que não tem condições financeiras de praticar o triathlon, inseridos em um projeto como este é um grande prazer e um sonho que sempre busquei ajudar a realizar, tenho certeza que além de estarmos formando campeões na vida, deste projeto teremos também grandes campeões no esporte”, explica Juraci.

Pensando na renovação do alto rendimento do triatlo brasileiro, o segundo projeto implementado por Juraci foi o “Seleção Escolinha de Triathlon. Foram selecionados 10 atletas com potencialidade para o alto rendimento e lhes foi oferecido uma boa infraestrutura para que eles possam treinar e competir em grandes eventos nacionais e internacionais do calendário. Desta forma, estaria-se preparando os atletas para integrar as futuras seleções olímpicas do país. Os triatletas receberam uma bolsa auxílio financeira mensal, material esportivo, custeio de viagens e contam com um técnico renomado coordenando seus treinamento e atividades.

“Na minha carreira, o que mais vi foram jovens atletas com potencial enorme para o alto rendimento tendo que abandonar o esporte na fase dos 17 aos 24 anos por falta de apoio financeiro, quando é chegada a fase de decisões, como entrar numa faculdade e buscar um emprego formal, a falta de patrocinadores faz com que percamos excelentes atletas, este projeto visa darmos condições que estes atletas tenham mais oportunidades de trilhar suas carreiras dentro do esporte”, ressaltou o hexacampeão brasileiro.

Back To Top